Tuba Livre a todo vapor no Facebook

quarta-feira, 14 de julho de 2010

Ser Pobre



Ser pobre é legal.

Não nos preocupamos com segurança, roubo, sequestros. Podemos dormir com portão aberto, pois ninguém levará nada. Pobre não tem nada! Só temos alguma coisa em caso de enchente, quando dizemos: “perdemos tudo”!

Pagamos menos impostos, e estamos sempre em contato a com mãe natureza. Dividimos nosso habitat com mosquitos, aracnídeos e outros insetos; a chuva respinga sobre nós - dentro da nossa casa.

Quando mudamos nossos filhos de escola, não nos preocupamos se a qualidade do ensino vai melhorar ou piorar. Ou melhor, não nos preocupamos com a qualidade, pois ela não existe.

Aquelas reportagens do Jornal Hoje sobre "ter cuidado com o que se come na rua", não nos incomoda; os outros é que têm que ter cuidado com o que vendemos na rua. E, por outro lado, pobre tem o estômago resistente; comida é tudo o que comemos, passamos mal é se não comermos.

Com pobre não há desperdício. Tudo é reaproveitado. A roupa do filho mais velho passa para o mais novo; colocamos água no resto que sobra no copo de massa de tomate e chacoalhamos na comida; depois o vidro vira copo para visita; cortamos o tubo de pasta (creme dental) para usarmos até o fim; as havaianas – as legítimas – mesmo que arrebente, um arame conserta tudo; e quando não servem para mais nada, tiramos pequenos pedaços para usarmos como rosca de brinco; comemos a sardinha, e melamos a farinha na lata; sobras do almoço de domingo vira a janta, e o que sobrar vira sopa na segunda; a rede velha vira cobertor, e seus punhos, varal de estender roupa; garrafa pet serve para guardar água no refrigerador; caixa de sapato tem mil e uma utilidades... você só vai empilhando uma sobre a outra com tudo quanto é bregueço dentro; camisa de campanha política vira pano de chão.

É por isso que recolhem o botijão de gás, senão vamos querer usar como banco.

Pobre se assusta pouco, geralmente quando vê o carro da companhia de água ou energia passando; ou quando pára um motoqueiro com uma pochete de lado.

Mas é certo que pobre só vai para frente quando leva uma topada.

[Se você tiver mais alguma mania ou costume da classe social que mais cresce no Brasil, não deixe de colaborar.]

4 comentários:

  1. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  2. Realmente se não fosse trágico seria cômico!!Tenso//Rsrsrsrsrsrsrs!!
    http://normalzero.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Quem passa é que sabe que, realmente, é assim que acontece.

    ResponderExcluir

 
▲ TOPO ▲